A PROCISSÃO DE SANTA RITA

No dia 22 de maio de 2016 fui incumbido de documentar a procissão em louvor à Santa Rita de Cássia, na minha cidade, Guaxupé. Sempre me interessei na fé e em como ela se manifesta de modo diverso em casa pessoa. Somado a esse meu interesse havia o fato de que a procissão se daria à noite o que, eu bem sabia, renderia ótimas fotos. Aceitei o trabalho.

Havia uma multidão razoável. Como, no início o céu estava claro, tudo transcorria bem. Haveria uma missa no lado de fora da igreja, logo após o fim da procissão, mas tão logo retornamos à igreja, começou a chover, e as pessoas tiveram de se abrigar no interior da mesma, que era pequena e não comportava, confortavelmente, de forma alguma, aquela quantidade de gente, de modo que o local lotado. Para mim, aquilo era excelente – gosto de multidões!

Fotografei tudo, absolutamente tudo. Estas 10 fotos a seguir são parte daquela cobertura, e ilustram perfeitamente o momento. Elas cobrem o antes, o durante e pós-procissão. É, ainda hoje, um dos meus trabalhos preferidos

Procissão em louvor à Santa Rita de Cássia. Guaxupé. 2016. © Luiz Paulo de Morais

Procissão em louvor à Santa Rita de Cássia. Guaxupé. 2016. © Luiz Paulo de Morais

Procissão em louvor à Santa Rita de Cássia. Guaxupé. 2016. © Luiz Paulo de Morais

Procissão em louvor à Santa Rita de Cássia. Guaxupé. 2016. © Luiz Paulo de Morais

Procissão em louvor à Santa Rita de Cássia. Guaxupé. 2016. © Luiz Paulo de Morais

Procissão em louvor à Santa Rita de Cássia. Guaxupé. 2016. © Luiz Paulo de Morais

Procissão em louvor à Santa Rita de Cássia. Guaxupé. 2016. © Luiz Paulo de Morais

Procissão em louvor à Santa Rita de Cássia. Guaxupé. 2016. © Luiz Paulo de Morais

Procissão em louvor à Santa Rita de Cássia. Guaxupé. 2016. © Luiz Paulo de Morais

Procissão em louvor à Santa Rita de Cássia. Guaxupé. 2016. © Luiz Paulo de Morais